Arquivo de 28 de Abril, 2010

Franz Ferdinand “take me out” Video made by Jonas Odell (2004)

Estamos perante um vídeoclip onde se vê o grupo a tocar integrado numa animação surrealista ao estilo de Terry Gil-Liam (Monty Pythons) em formato bidimendional e tridimendional. Existem uma quantidade de elementos visuais que ao longo da música vão interagindo como por exêmplo os músicos, seres meio robóticos, maquinaria, figuras geométricas como blocos e círculos, desenhos gráficos, seres grotescos meio desproporcionados, tudo como que integrado numa estética e arte “vintage” à moda dos anos 20 e 30. A montagem é abstrata, vários e sucessivos planos diferentes desses elementos vão-se movendo, transformando e repetindo, não deixando possibilidade para nenhuma narrativa específica. As cores são limitadas, como o preto, o branco, o cinzento, o vermelho e algum amarelo.

Como já mencionei, o vídeo mostra bastantes referências relacionadas com contextos sociais e práticas culturais de épocas passadas como o início do século XX. Podemos encontrar a existência de fotomontagens e colagens ao estilo dadaísta, lembrando por exêmplo artistas como Geoge Grosz ou Hannach Hoch. Uma outra presença indiscutível são as imagens inspiradas no construtivismo russo como desenhos gráficos característicos dos posters de propaganda comunista e também a estética cinematográfica. Há sem dúvida um especial interesse por parte do grupo e do videoclip, nas vanguardas artísticas do início do século XX, bem como artístas como o russo Alexander Rodchenko, de onde a ideia para a capa do disco do single “take me out” foi tirada, como se pode ver aqui as semelhanças:

Por último, com alguma pequena semelhança com vídeo dos Arcade Fire “Neon Bible” analisado em uma das aulas, a presença do meio expressa-se através de outros meios de outras épocas que se combinam digitalmente. Podemos ver a presença do cinema, da imprensa, fotografia, moda, tecnologia, dança, desenho gráfico, propaganda política, etc. A tecnologia digital permite assim que se possam criar vídeos com um conteúdo artístico e mediático tão variado. A utilização simultãnea de duas formas de animação mostra como os média antigos ou tradicionais se podem manifestar através dos novos média que permitem uma fácil modularidade dos códigos numéricos digitalizados, dando possibilidades nunca existentes dentro do mundo da animação e não só. De alguma maneira este vídeo pode ser comparado a uma das teorias de Marshall Mcluhan em que varios meios anteriores são o conteúdo de um novo meio “the medium is the message”.  Para acabar queria também referir que a música “take me out” foi remediada, parodiada e remisturada por outros média populares como video jogos, bandas (Scissor Sisters, Daft Punk e muitas outras), anúcios de televisão e também samplada por Djs.

Pedro Jorge Chau

Anúncios

Vamos ser controlados…?

Eagle Eye estreou em 2008. Um filme de D. J. Caruso e que tem no elenco, nomes como Shia LaBeouf, Michelle Monaghan, Rosario Dawson, Billy Bob Thornton, Michael Chiklis.

Um thriller misterioso e com muita acção. Os protagonistas da película são Shia LaBeouf (Jerry Shaw) e Michelle Monaghan (Rachel Holloman). No desenrolar da acção são dois desconhecidos que unem-se devido a um telefonema de uma mulher que eles nunca viram. Ameaçando as suas vidas e as suas famílias, esta mulher empurra Jerry e Rachel para uma série de situações cada vez mais perigosas, usando a tecnologia do dia-a-dia para monitorizar e controlar todos os seus movimentos. À medida que a situação se agrava, estas duas pessoas vulgares tornam-se nos fugitivos mais procurados do país. Os dois vão trabalhar em conjunto para descobrir o que está realmente a acontecer. Ao lutarem pela vida, tornam-se peões de um inimigo sem rosto, que parece deter poder ilimitado para manipular tudo o que fazem.

O visionamento deste filme mostra qual o caminho que não devemos seguir… Um futuro sem segredos… Um mundo sem esconderijos… Um caminho altamente perigoso… Uma estrada sem saída… Uma máquina sem precedentes para atingir aquilo que quer…

Será importante repensar a utilização das novas tecnologias? Sim. Sem dúvida.

Milton Batista


Calendário

Abril 2010
S T Q Q S S D
« Mar   Maio »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  

Estatística

  • 878.485 hits

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.229 outros seguidores

Anúncios