A um clique do outro lado

 

Hoje em dia, o poder da tecnologia faz parte do quotidiano de todos nós, uns mais outros menos. No entanto, esta ideia de “mediação digital” parece-se ajustar na perfeição aos dias de hoje, numa sociedade que, de certa forma, vive para alimentar/alimentar-se da máquina. Para esta ideia muito contribuem os factores de que tudo parece estar a um clique de distância, a possibilidade de criar uma personalidade virtual em redes sociais, as facilidades apresentadas em termos de comunicação… a multiplicidade combinada de aspectos que tornam realmente a internet o “brinquedo” mais procurado deste século.

Apesar de todas as funcionalidades da mesma, penso que o verdadeiro poder da web está na partilha de conhecimento, quer seja cultural, científica, política, religiosa… a internet é, de facto, a enciclopédia mais completa e vasta do mundo. Este aspecto tem vindo a crescer desde que foi criado o facebook e, em particular, o botão “partilhar”. Para mim, a magia não reside tanto no “gostar” mas sim no “partilhar”. É impressionante a rapidez com que o conhecimento sobre um dado específico de um tema específico percorre computadores e computadores á volta do mundo num espaço de tempo bastante pequeno, uma espécie de utopia para aqueles que realmente vem na informação e na cultura uma forma de vida.

Hoje em dia, a comunicação síncrona está adaptada às necessidades de toda a gente e penso que esta é uma boa forma de nos relacionar-mos uns com os outros… até certo ponto. Existe redes para todos os gostos onde eu talvez destacaria o Last.fm (rede de scrobble de ficheiros musicais) e talvez o facebook. Sempre fui daqueles que dizia que falar é na rua, com as pessoas… mas de certo modo há que ver as vantagens que esta rede nos oferece em termos de comunicação… desde a primeira vez que fiz um comentário a alguma coisa, algo me saltou á vista: as pessoas podiam dizer o que lhes apetecesse de forma ordenada, “cada um á sua vez”, onde ninguém fala pela vez de ninguém. Na vida real muitas vezes não é assim e há que tirar partido dos pontos positivos da rede. A internet revela-se então uma ferramenta indispensável para os dias de hoje, no entanto, há que saber utilizar e não esquecer que quanto mais nos alimentamos da máquina mais ela se alimenta de nós!


Calendário

Fevereiro 2013
M T W T F S S
« Jun   Mar »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728  

Estatística

  • 524,910 hits

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.226 outros seguidores


%d bloggers like this: