Odisseia da Internet

Eu sinto-me previligiado. Mesmo antes de saber ler, já era capaz de utilizar a internet. Claro que eu tenho noção de que hoje em dia isso é comum entre maioria das crianças. Mas considero que, comparando a facilidade de acesso que se tinha em meados dos anos noventa e a que se tem hoje é fácil desenhar uma forte ligação entre o meu desenvolvimento intelectual e psicológico e o crescimento da internet como uma emulação da vida real.

Quando era novo e a internet era apenas uma criança, éramos simples e sem problemas, o mundo era o nosso recreio, mas ambos sabiamos que iriamos evoluir e ser algo maior. Enquanto eu tinha professores que explicavam como funcionava o mundo e me preparavam para o futuro, a internet tinha programadores sonhadores que imaginavam um futuro para ela. Éramos os dois muito novos e sabíamos que o futuro ia ser grande, mas naquele momento só queriamos brincar um com o outro.

Quando fomos para o novo milénio muita coisa mudou, ambos crescemos, tanto em tamanho como em conhecimento. Ainda brincávamos, mas também tínhamos de estudar e fazer trabalhos. Foi nesta altura que comecei a encarar a internet não só como um amigo para brincar mas como colega de trabalho, aquele que sabe sempre tudo e não tem problemas em ajudar os outros.

Durante a adolescência, nunca soube o que iria ser, nem a internet. Éramos um par de diamantes por lapidar. A internet ajudou-me a navegar o mundo sem sair de casa, mostrou-me ideias de pessoas que outrora nunca iriam ser faladas, pontos de vista que me faziam perceber melhor o mundo e eu mesmo.

Devo muito à internet, com ela descobri a maioria das coisas de que gosto mais, deu-me uma visão mais clara (apesar de ainda muito turva) da vida. Sem ela não seria o que sou hoje, graças a ela pude procurar aquilo que queria e não só aquilo que me mostravam.
Hoje em dia ainda estamos juntos, continuamos a fazer o mesmo, brincamos, estudamos e continuamos a descobrir o mundo, mas hoje em dia ela tem muitos mais amigos e muitos deles não a sabem utilizar…

“The Internet is the first thing that humanity has built that humanity doesn’t understand, the largest experiment in anarchy that we have ever had.”- Eric Schmidt

Fábio Campos


Calendário

Fevereiro 2013
M T W T F S S
« Jun   Mar »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728  

Estatística

  • 526,615 hits

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.226 outros seguidores


%d bloggers like this: