Telefone, de sempre, para sempre

Tema de escrita: O que significou falar à distância? O que acontece quando se transmite e recebe a voz?

Falar à distância é ouvir a voz de outra pessoa que se encontra do outro lado do telefone, podemos dizer que é uma coisa comum para quem vive nas sociedades dos séculos XX e XXI. Este aparelho que para nós é vulgar, acompanha-nos desde sempre e muitas das vezes nem nos apercebemos o quão útil se tornou nas nossas vidas, transformando-se assim num fiel companheiro. Foi um aparelho que revolucionou a história da tecnologia e muitas das vezes nem perdemos tempo a pensar nisso, para muitos foi uma novidade, para nós não passa de uma banalidade.

Quando olhamos para o telefone nunca pensamos que começou, tendo por base dois suportes, normalmente em lata que eram interligados por uma corda ou fio que transmitiam o som através de vibrações mecânicas. Claro está, que não abrangia grandes distâncias, mas esta é a base do aparelho que hoje em dia temos em nossas casas.

Depois de grandes controvérsias na história do telefone, o dispositivo acaba por surgir a partir de grandes esforços e de diversas contribuições. Primeiramente os únicos que gozavam desta nova tecnologia eram as elites que tinham meios suficientes para comprarem o seu telefone privado. Os mais pobres usavam, ao que se chamava antigamente de “posto público”, normalmente um local frequentado pela população da aldeia, como o único estabelecimento onde era possível serem feitas comunicações. Tudo isto, nos parece estranho, quando pensamos que hoje em dia, esta tecnologia está presente em praticamente todas as casas, escritórios, escolas, empresas, como algo vulgar e frequente.

O telefone veio facilitar a nossa vida nos mais variados aspectos. Conseguimos comunicar com outra pessoa independentemente da sua localização, a distância deixa de ser um elemento de separação. Na grande maioria dos casos o telefone ajuda a anular a saudade que temos de um familiar ou mesmo de um amigo que permanece longe. Obviamente que o aparelho não substitui a pessoa, mas o facto de ouvirmos e sermos ouvidos ajuda a que tudo se torne mais fácil, reconfortante e agradável.

Além de nos ajudar a suportar a saudade, também nos ajuda nas questões mais comuns e vulgares do quotidiano, quando por exemplo queremos marcar uma consulta, ou avisar que estamos atrasados para uma reunião ou mesmo marcar um café com um amigo, entre muitas outras situações. Não é necessária deslocação nem demoras, basta apenas fazermos o telefonema. Quando abordamos a questão do quotidiano não nos podemos esquecer dos jovens adolescentes que utilizam este aparelho com bastante frequência, para falar com os amigos ou mesmo com o namorado ou a namorada. Para além de todas estas utilidades, esta tecnologia é utilizada todos os dias para resolver assuntos políticos ou administrativos, trocas comerciais, para transmissão de informação de carácter militar ou mesmo para salvar vidas, basta apenas um telefonema.

Transmitir e receber a voz é falar em tempo real, com o indivíduo que está do outro lado, independentemente de quem seja ou da sua localização. É transmitir informação relevante ou apenas telefonar a dizer “olá”. O telefone surge para que as pessoas comuniquem de forma mais confortável, sem demoras e de forma mais eficaz, sendo para matar saudades ou para tratar de um assunto de Estado. Esta tecnologia tornou a nossa vida mais rápida e tem-se vindo a revelar eficiente e um aparelho do futuro.

Marta Veloso


Calendário

Março 2013
M T W T F S S
« Fev   Abr »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Estatística

  • 526,615 hits

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.226 outros seguidores


%d bloggers like this: