A “tese central” de McLuhan

Tema de escrita: Como podemos entender/exemplificar a afirmação de McLuhan de que ‘o meio é a mensagem’?

Image

 

«O meio é a mensagem» foi uma expressão utilizada pela primeira vez pelo filosofo Herbert Marshall McLuhan por volta de 1960.

McLuhan interpretou a história partindo da história escrita, da mensagem.

A sua atenção estava voltada em perceber a interferência dos meios nas sensações humanas. Disto resultaram duas grandes obras: The Gutenberg Galaxy, de 1962, a obra mais importante na qual analisa a evolução transformadora dos meios no dia a dia de cada indivíduo e Understanding Media, de 1964, na qual diferencia os meios comunicacionais uns dos outros.

Por um lado, podemos pensar que meio e mensagem são dois conceitos distintos que pouco se relacionam. O meio é o veículo “patrocinador” da mensagem, é quem a divulga às massas; de um ponto de vista geral, é tido como um canal de passagem do conteúdo comunicativo. Por outro lado, nisto entende-se que a mensagem está contida no meio, logo “o meio é a mensagem”.

Para McLuhan, o meio é o elemento determinante da comunicação e não a mensagem. Sem meio de comunicação, a mensagem não existe.

Os meios de comunicação têm a capacidade de influenciar o conteúdo e a forma como cada recetor o perceciona. Deste modo, uma mesma mensagem pode resultar em diferentes interpretações/ resultados, consoante o meio pela qual foi comunicada: via oral, escrita, rádio, televisão, internet, etc. e consoante a cultura em que cada indivíduo está inserido.

Para uma análise mais profissional, vejamos: http://www.youtube.com/watch?v=EnvKeiNAnLc

«Os suportes de comunicação e as tecnologias são determinantes na mensagem: os conteúdos modificam-se em função dos meios que o veiculam» (Marshall McLuhan)

 

Cristiana Almeida


Calendário

Abril 2013
M T W T F S S
« Mar   Maio »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Estatística

  • 524,910 hits

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.226 outros seguidores


%d bloggers like this: