O MEIO QUE OCULTA-SE

energia-eletrica-lampada-tomada

O ser humano vive em busca de melhores condições para sua estadia terrena, logo foi criando mecanismos que pudesse tornar os trabalhos mais práticos e fáceis e sempre visando a diminuição do tempo.

Ao ouvirmos essas qualidades de praticidade, simplicidade, leveza e menor tempo, podemos até pensar que estamos frente a uma publicidade de algum equipamento eletrônico novo no mercado de consumo, mas não, o que me refiro é ao desejo que a humanidade tem em alcançar o pleno conforto e a execução de tarefas em imediato.

Sabendo que o computador é o grande representante dos avanços de pesquisas em busca de um equipamento que tenha em si, os mais diferenciados processamentos de dados para as mais diversas necessidades do usuário.

Sendo o computador uma importante ferramenta aglutinadora de funções que possibilita ao usuário uma interação com respostas quase imediatas, temos de ter em vista que esta tecnologia só é possível por meio de outros meios já existentes que proporciona seu funcionamento e que nos dias atuais passa a nossos olhos despercebido.

A descoberta do controle e transmissão elétrica é algo que consideramos tão natural que faz com que sua importância seja inferior a grande máquina computacional, porém sem ela muitos dos equipamentos que nos rodeiam deixariam de funcionar, pelo simples fato de a eletricidade ser a base de energia para o funcionamento dos equipamentos tecnológicos (pelo menos em sua maioria).

A eletricidade é um meio que permite ao meio computacional se mostrar ao usuário como uma interface independente e inovadora, porém se a eletricidade falhar torna-se evidente que ela é a base de energia para o funcionamento do computador e derivados eletrônicos. Com a falta momentânea de eletricidade o usuário é colocado frente a máquina física e é capaz de perceber o meio que se revela a ele.

A ocultação da eletricidade como meio aconteceu pelo uso de interfaces cada vez mais interativas e amigáveis aos olhos do usuário, o que o leva a esquecer momentaneamente que esta frente a um equipamento eletrônico.

O computador pode ser entendido com a lógica de remediação, onde outros meios transformam-se, derivam ou coexistem e por possuir em si diversas possibilidades de funções ele torna-se o maior exemplo de mediador que temos dentro da história dos média.

Patrícia Grigoletto


Calendário

Abril 2013
M T W T F S S
« Mar   Maio »
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Estatística

  • 527,102 hits

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.226 outros seguidores


%d bloggers like this: