A influência das redes sociais na sociedade

O século em que vivemos tem sido marcado pelo desenvolvimento das novas tecnologias. Este grande avanço permitiu a criação das chamadas redes sociais, que são utilizadas com uma frequência cada vez maior. Estas têm como alvo principal os jovens, que se têm revelado excessivamente “dependentes” deste tipo de rede electrónica. De facto, a frequência exagerada destas redes provoca uma dependência que se pode equiparar a um vício, como o alcoolismo ou a toxicodependência.

As redes sociais começaram por ser apenas um meio de comunicação entre duas pessoas, mas evoluíram de tal modo que, hoje em dia, podemos estar informados acerca dos acontecimentos nacionais e internacionais acedendo apenas ao Facebook, a rede social com maior sucesso a nível mundial. Deste modo, as redes sociais contribuem em grande parte para a predominância dos média digitais sobre os média tradicionais.

A utilização frequente das redes sociais tem-se expandido brutalmente, de modo que já existem empresas que contratam indivíduos com base no seu perfil do Facebook. Para além disso, têm surgido casos de pessoas que foram sujeitos a despedimentos ou a processos disciplinares porque difamaram os seus superiores através das redes sociais.

O conhecimento de todos estes factos faz-nos perceber que este meio de comunicação apresenta tanto vantagens como desvantagens. De facto, é necessário reconhecer limites.

 

Sónia Gomes


Calendário

Fevereiro 2014
M T W T F S S
« Dez   Mar »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728  

Estatística

  • 524,910 hits

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.226 outros seguidores


%d bloggers like this: