As fotografias documentam vidas

Louis Daguerre quando fez a primeira fotografia, provavelmente, não imaginava a importância que a sua invenção teria no futuro, mas a verdade é que a sociedade atual já não imagina o seu quotidiano sem o recurso frequente à fotografia.

Para muitas pessoas a fotografia não passa de um hobbie, de uma forma de passar um tempo ou de mostrar a alguém um lugar onde estiveram, mas se analisarmos o que realmente significa registar uma imagem, concluímos que é muito mais do que carregar num botão.

A fotografia imortaliza, guarda a imagem de grandes personalidades como Einstein, Hitler ou Lincoln; guarda a imagem de momentos como a II Guerra Mundial e da extrema propaganda do regime nazi. Estas imagens ilustram a História da Humanidade, dão vida aos testemunhos que nos são contados proporcionando-lhes uma certa credibilidade, no entanto, para além de momentos e pessoas que marcaram a humanidade, a fotografia imortaliza momentos da nossa história pessoal: guarda a imagem de um familiar que não tivemos a oportunidade de conhecer; recorda momentos que sem a fotografia não seriamos capazes de recordar, tais como os momentos que passamos em crianças desde a primeira ida à praia, ou o primeiro fato de carnaval. As fotografias não guardam só imagens, têm a proeza de documentar uma história de vida.

A multidisciplinaridade da fotografia é claramente visível: é utilizada por historiadores para documentar acontecimentos passados; por políticos que recorrem à fotografia para difundir a sua campanha; e também os médicos recorrem à fotografia para o tratamento de pacientes com amnésia, pois as imagens não só guardam memórias, mas reavivam momentos e pessoas que podemos esquecer por algum motivo.

O vídeo mostra como a fotografia pode documentar a vida de uma pessoa, neste caso o envelhecimento do fotografo Noah Kalina, que durante cerca de doze anos tirou uma foto de si mesmo (as atuais designadas selfies) todos os dias e compilou-as num vídeo de sete minutos e quarenta e oito segundos onde assistimos às evidentes mudanças do fotografo.

Neste exemplo o vídeo foi um importante aliado da fotografia, pois ao compilar as quarenta e cinco mil e catorze fotos  num vídeo, a sua divulgação torna-se mais fácil do que partilhar as fotografias uma a uma.

 

LetíciaFerreira.


Calendário

Março 2014
M T W T F S S
« Fev   Abr »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Estatística

  • 525,046 hits

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.226 outros seguidores


%d bloggers like this: