Virtual ou Real?

     Baseando-me na análise das causas e efeitos da destruição da “aura” que pertence às obras de arte, enquanto objetos únicos na evolução das técnicas de reprodução, a aura pode ser anulada nas várias reproduções do original, o que pode destruir à obra de arte a sua posição de raridade.

     As técnicas de  reprodução são um fenómeno recente e possuem um valor de vantagem, que consiste por exemplo, na evidenciação de aspectos da imagem que escapam à visão natural ou ainda examinar/observar a obra de pontos de vista diferentes, através da ampliação ou de outros métodos que não são possíveis com o olho humano. A reprodutibilidade faz com que seja possível o “aqui e agora” de uma obra de arte, e esta noção leva à perda da autenticidade da obra, assim como a sua própria história.

     A sociedade atualmente quer tudo próximo de si, e a reprodutibilidade virtual, como por exemplo, o Google Art Project, está a crescer a uma velocidade veloz. Através desta tecnologia, o utilizador pode aceder a vários museus, manipular as obras de arte e até mesmo fazer uma visita em 3D. E tudo isto, tem vantagens e desvantagens. Uma vantagem é que agora que isto é possível, tudo ficou mais simples e fácil para a sociedade aumentar a sua cultura e também, por exemplo os historiadores de arte podem aumentar a sua biblioteca de obras de arte e podem fazer um trabalho e uma pesquisa com melhor qualidade e bem mais completa. Uma desvantagem é o facto de que ao vermos uma obra de arte no meio digital, ela perde uma das mais importantes características, a sua textura.

     Para concluir, independentemente destas vantagens e desvantagens, a sociedade pode aumentar o seu conhecimento, tornando-se numa sociedade mais culta e apesar de haver uma grande reprodutibilidade das obras no mundo atual as pessoas sempre irão preferir ir ao museu ver a peça em si, pois duvido que o virtual irá algum dia substituir a sensação que as pessoas têm ao observar as obras de arte na realidade.

Sara Mota


Calendário

Maio 2014
M T W T F S S
« Abr   Jun »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Estatística

  • 525,046 hits

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.226 outros seguidores


%d bloggers like this: