O declínio da escrita manual

A necessidade de comunicação trouxe as primeiras tentativas de elaboração de um sistema de escrita há quatro mil anos atrás. Antes de qualquer alfabeto ter sido inventado já haviam as formas mais básicas de escrita que, se resumiam a representações gráficas, criadas pelas diferentes civilizações da época. As formas de escrita evoluíram, hoje o alfabeto romano é o sistema de escrita alfabética mais comum.

O homem contemporâneo tem presenciado as transformações galopantes que resultam da globalização. O irromper dos computadores e da internet alterou a comunicação entre as pessoas, a interação social adquiriu um formato mais dinâmico, uma vez que, a mesma pessoa pode realizar as mais diversas tarefas ao possuir estes dois elementos.

A internet fez surgir novos géneros discursivos que possibilitaram a aproximação da oralidade à escrita através de uma linguagem informal. A realidade virtual mudou a escrita que é efetuada através da mesma, surgiu uma redução gráfica, movida pela necessidade de realizar uma comunicação mais rápida em menos tempo que, de certa forma reflete o funcionamento da sociedade capitalista, uma forma de viver caracterizada pelo movimento acelerado das relações interpessoais e institucionais.

A velocidade da comunicação na internet fez surgir uma linguagem distintiva com inúmeras abreviações que não respeitam as regras de ortografia, são diminuídas as palavras, os acentos e pontuações removidos, com o argumento da velocidade da interação comunicativa e de que o importante é entender e fazer-se entender.

O e-mail e as mensagens de texto têm substituído o correio tradicional e os tablets os cadernos dos estudantes. Os especialistas afirmam que o sistema de escrita através da caneta e papel e do teclado exigem diferentes processos cognitivos. As crianças podem levar muitos anos até conseguirem dominar a técnica da escrita manual, ao passo que manusear um teclado e utilizá-lo para escrever um texto revela-se bem mais fácil, basta pressionar a tecla certa.

A qualidade de um texto, a sua correção ortográfica, harmonia e equilíbrio deve ser mais importante do que a forma utilizada para o produzir. Contudo o leitor sente-se mais próximo do autor se o texto for escrito manualmente. A caligrafia de cada pessoa é diferente e única, deixa transparecer a emoção e certas particularidades do autor.

Joana Valente


Calendário

Março 2015
M T W T F S S
« Fev   Abr »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Estatística

  • 525,046 hits

Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 1.226 outros seguidores


%d bloggers like this: